sábado, 31 de maio de 2008

AOS MEUS PAIS


“HOMENAGEM PÓSTUMA”
AOS MEUS PAIS



A vida, é uma constante caminhada
Onde nunca, se alcança a perfeição
Por mais perfeitos, que queiramos ser
Curta ou longa, a vida, é desejada
E enquanto, for batendo o coração
Teremos uma vida por viver

É bom, quando se vive em humildade
É bom, quando se vive em doação
Uma vida de paz, calma e serena
Para que um dia, então, na Eternidade
Possamos, sentir a consolação
De que, viver assim, valeu a pena

Por estas vidas dedicadas
Com zelo e amor, aos seus filhos
Nós, reconhecemos seu valor
Estando sempre prontos, p’ra chamada
Pois além, de um grande coração
Em tudo quanto fazias, foi com amor.

A minha gratidão pela vossa amizade, pelo vosso testemunho de simplicidade, de alegria e de paz, que a todos transmitiam e que ficarão para sempre guardados, nos nossos corações. Bem-haja.
Os filhos: Manuel, António Carlos, Zé, Maria e Ana Maria.
Fr. José de Jesus Cardoso

1 comentários:

João disse...

Grande Homenagem, vinda de um grande Homem com um grande coração.
Deste amigo, João Rodrigues

 
© 2007 Template feito por Templates para Você